Como o Google Maps pode ajudar na sua viagem

Hoje uma leitora querida, blogueira e amiga vai viajar! Aqui vai uma pequena ajuda com todo o carinho, que eu acho pode ajudar muitos outros viajantes a economizar tempo, tão precioso durante uma viagem.

Uma das sensações que mais gosto na vida é chegar numa cidade desconhecida e ter um monte de lugares novos para conhecer. Mas sempre dá aquele frio na barriga! Como chegar? Que transporte pegar? Quanto tempo gasto do hotel até o aeroporto? Ah… a santa tecnologia vai te ajudar. Eu sempre digo que com meu smartfone e meu cartão de crédito posso ir à Marte :) Sim, é preciso ter conexão à internet mas não necessariamente o tempo todo.

Como usar o Google Maps?

O Google Maps é minha babá quando viajo ( e quando estou no Brasil também). Seja na fase de planejamento ou “in loco”. Uso para escolher hotel, ver a cara da rua e das redondezas, marcar os pontos que quero conhecer, escolher o melhor meio de transporte de A para B,  marcar as estações de metrô e trem, calcular o tempo que vou gastar, achar restaurantes ou fast foods (banheiros!) nas redondezas, supermercados e lojas. Enfim, quase tudo!

Como marcar os pontos no Google Maps?

Mesmo que a gente não tenha internet o tempo todo no celular, aproveite a Wifi quando estiver disponível e marque os pontos importantes, porque mesmo sem conexão depois é possível “ver” aonde você está e ir se guiando em direção ao ponto que você marcou.

Então vamos lá:

1-Abra o Google Maps e no campo Pesquise no Google Maps digite o nome do lugar ou o endereço.

Google Maps

2- Usando o exemplo de Notre Dame de Paris, clique no nome do lugar na parte de baixo da tela.

Goog;e Maps

3- Na tela que abrir, é só clicar em Salvar,  aí a estrelinha fica amarela e voilà! O lugar está marcado no seu Google Maps!

Google Maps

Antes de sair do hotel ou de algum lugar que tenha wifi, abra o aplicativo. Ele vai “te achar”,  mostrar onde você está (ponto azul) e depois mesmo off line, o Google Maps te acha pelo GPS, e você pode ir se guiando, embora os outros serviços não funcionem sem internet.

Como visualizar o trajeto, meio de transporte público ou tempo estimado de táxi

Na mesma tela onde a gente salva e marca o lugar, é só clicar na setinha dobrada – Trajeto

Google Maps

Na tela seguinte você precisa digitar um ponto de partida. Seu local é exatamente onde você está. Ou então digite um outro endereço.

Google Maps - Trajeto

Ponto de partida e chegada definidos,  na próxima tela é preciso escolher uma opção: carro, transporte público, a pé, táxi ou bicicleta.

Google Maps - Trajeto

Para ir a pé, clique no “homezinho”.

Google Maps - Trajeto a pé

Clicando no “trenzinho“, na tela seguinte aparecerão as opções de transporte público.

Google Maps - Transporte Público Screenshot_2016-05-14-12-54-51

 

 

Clique em uma das opções e siga as instruções. Se for ficar off-line, faça um screenshot (captura da tela) para ter acesso às informações sem internet.

Google Maps - Transporte Público

Caso tenha um chip local com conexão à internet, e quiser ser literalmente guiado pelo aplicativo, com vozinha e tudo, igualzinho ao GPS usado nos carros, é só clicar na seta branca, mas é preciso estar no local de partida.

Google Maps - guia GPS

Agora fala a verdade? Não é uma mãozona na roda?

Considerando que eu não tenho o menor senso de direção e que sou capaz de girar em torno do meu próprio eixo sem conseguir descobrir para onde andar, o Google Maps foi minha libertação. Isso não invalida os cuidados normais. Ter sempre o nome e endereço do hotel escritos num papel. Em caso de necessidade, pedir informações para voltar e até mostrar para o taxista, sem precisar se virar numa língua estrangeira.

 

Procurando hotéis para sua próxima viagem? Tem aqui no Booking.com

Siga o Mala de Rodinha e Nécessaire no Twitter @maladerodinha

Curta a nossa Fanpage no Facebookwww.facebook.com/MaladeRodinhaeNecessaire

Para ver nossas fotos no Instagram: instagram.com/celinamartins

Não se esqueça do seguro de viagem! Faz a cotação aqui. Leitor do blog tem desconto:

Mondial
 
Pesquise e encontre seu hotel:

Sou professora por formação, artista plástica, designer e blogueira, mas gosto mesmo é de ser nômade. Moro seis meses na Europa quando aproveito para viajar, e seis meses no Brasil, praticamente na ponte entre o Rio de Janeiro e Niterói. Eu moro onde estão meus sapatos.
Estou no Google + – +
Celina Martins
-
Gostou? Compartilhe!Share on FacebookShare on Google+Pin on PinterestShare on RedditTweet about this on TwitterEmail this to someone

written by

Sou professora por formação, artista plástica, designer e blogueira, mas gosto mesmo é de ser nômade. Moro seis meses na Europa quando aproveito para viajar, e seis meses no Brasil, praticamente na ponte entre o Rio de Janeiro e Niterói. Eu moro onde estão meus sapatos. Estou no Google + - + Celina Martins -

3 Responses to "Como o Google Maps pode ajudar na sua viagem"

  1. Lena Reis says:

    Boa noite, Celina,

    Para começar… estou me sentindo “a tal”…!

    Muito, muito útil! Na verdade, eu já fazia parte dos procedimentos, mas não estava a par do que se pode conseguir off line.

    Muito obrigada! Um beijo!

    Lena

    Responder
  2. Patricia says:

    Muito legal! Uma super aula!

    Responder
  3. ginapsi says:

    Essa tal de tecnologia é mesmo uma ” mão na roda”! Pra quem vai “turistar” e precisa ganhar tempo é uma maravilha! Amei o post Cel, vai me ajudar muito!
    Abç

    Responder

Leave a Reply

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>